5 Dicas para ser um ótimo Engenheiro de Produção!

Cada vez mais existe uma certa dificuldade para aqueles que estão entrando no mercado de trabalho está aumentando, ou até mesmo para quem já tem alguma experiencia pode ser difícil a sua recolocação em alguma empresa.

E isso pode ocorrer por vários motivos, desde o mercado saturado em determinada região onde a pessoa se encontra ou falta de qualificações para cumprir o requisito das organizações.

Para aqueles que estão se inserindo no mercado pela primeira vez o grande desafio é ser contratado como Engenheiro de Produção, isto é, assinar sua carteira como Engenheiro.

salário base de acordo com a Lei 4.950-A/66, de 1966 regulamenta a remuneração dos profissionais diplomados em Engenharia, Química, Arquitetura, Agronomia e Veterinária, o engenheiro de produção pode ganhar de 6 salários mínimos (6 horas de trabalho) até 8,5 salários mínimos (8 horas de trabalho).

Por ter um salário base considerado alto para alguns tipos de empresas, pode ser difícil ser contratado logo de cara com um Engenheiro de Produção, ainda mais sem ter alguma experiencia.

Mas isso não é um grande problema, pois começar com cargos de analista, por exemplo, já lhe rendem um bom salário inicial e te dá oportunidades de crescer em pouco tempo, ai só depende do seu desenvolvimento dentro da empresa.

E se você quiser se destacar e crescer mais rapidamente na carreira como Engenheiro de Produção, ter algumas habilidades e conhecimentos são imprescindíveis!


Vamos agora conhecer as 5 dicas para você ser um ótimo Engenheiro de Produção.


1. Aprenda Inglês

Em alguns lugares como os grandes centros saber inglês já é considerado algo obrigatório e por isso pode parecer muito clichê hoje em dia falar que devemos saber está língua mundialmente utilizada.

Porém a grande realidade é que apesar de todos saberem a grande importância de se saber o inglês de modo fluente, são poucos que realmente dominam a língua.

Por que será que o inglês é tão importante e muitas empresas pedem?

  • As empresas do ramo industrial utilizam diversos equipamentos, maquinários e até software onde o fabricante utiliza-se de manuais ou interfaces em Inglês.

  • Algumas organizações fazem a exportação de seu produto, onde é necessário conversar com o cliente que em muitos casos fala em inglês.

  • Para compreender melhor o funcionamento de determinado equipamento é necessário fazer um treinamento da fabricante que pode ser também em inglês.

  • Necessidade de viagens para congressos, eventos e cursos em outros países para se desenvolver, geralmente lugares que falam inglês.

  • Consultar os melhores materiais da área, com estudos avançados, na grande maioria são artigos publicados em inglês.



Veja como o inglês é extremamente importante para que você consiga se entrar no mercado de trabalho e em alguns casos como empresas do interior saber o inglês pode ser um diferencial.


2. Conheça bem a Estatística

Diversas áreas em que o Engenheiro de Produção pode atuar a estatística está envolvida diretamente, isto é, são necessários a utilização de cálculos estatísticos para gerar os resultados esperados.

As principais áreas que a estatística está inserida são:

  • Planejamento e controle da produção

  • Pesquisa Operacional

  • Gestão da Qualidade

  • Engenharia Econômica

  • Engenharia do Produto

Por isso é importante conhecer os conceitos básicos e até avançados de estatísticas para se atuar em algumas dessas áreas.


3. Domine o Excel

Atualmente o Excel é uma das ferramentas mais utilizadas pelas empresas, mesmo as organizações que possuem diversos softwares de gerenciamento, controle financeiro entre outros, o Excel ainda pode ser utilizado para auxiliar em alguma tarefa que alguns desses softwares não faz.



Outro fator que torna o Excel tão utilizado é o fato de ele ser uma ferramenta aberta, onde existem ‘‘N’’ possibilidades de fazer a mesma coisa e coisas diferentes, ao contrário de muitos softwares que vem ‘‘Fechados’’ onde você só pode inserir os valores e não alterar qualquer campo.

Por essas razões dominar o Excel é peça fundamental para o seu desenvolvimento dentro de qualquer organização, pois conhece-lo a fundo fará com que você possa criar soluções alternativas para desenvolver os negócios da empresa.

E para isso é necessário conhecer a dica 2 a fundo para aplicar os conceitos estatísticos nas mais diversas formulas que o Excel proporciona. Também é possível gerar gráficos que ajudarão na tomada de decisão de alguma estratégia.

A infinitas formas de se utilizar o Excel, mas vou citar algumas das principais para o Engenheiro de Produção:


  • Previsão de Demanda

  • Gestão de Estoque

  • Análises Financeiras

  • Viabilidade Econômica

  • Fluxo de Trabalho dos Colaboradores

  • Análise de Tempos de Atividades Desenvolvidas

  • Definição de Metas e Objetivos

  • Planejamento e Controle da Produção

  • Gestão Estratégica

  • Pesquisa Operacional

  • Controle Estatístico da Qualidade


Por esses motivos é extremamente importante conhecer as principais fórmulas e funções que o Excel utiliza para trabalhar em qualquer uma dessas áreas e poder se destacar no mercado de trabalho.


4. Mantenha-se Atualizado



Outro grande diferencial que você pode precisar para se destacar no mercado e ser um ótimo profissional é se manter atualizado.

Busque sempre conhecer as tendências da sua área de atuação dentro da engenharia de produção e leia também artigos científicos tanto em português como em inglês.

Vou listar aqui as formas de conteúdos que você pode consumir para se manter atualizado:


  • Veja vídeos no Youtube

  • Leia Artigos Científicos

  • Leia Noticias

  • Leia post em Blog

  • Leia post no LinkedIn

Observação: Sempre busque fontes confiáveis para cada uma das áreas citadas acima, para não consumir conteúdo falso e que só trará problema e perda de tempo.


5. Faça Networking

E para finalizar as nossas 5 dicas é muito importante que durante sua jornada acadêmica e por que não sua jornada da vida faça networking SEMPRE!

Mas fazer networking não é simplesmente sair pegando o contato de todo mundo e depois pedir favores que lhe ajudaram em algum ponto que você precisa. Isto só irá fazer com que você fique mal falado entre este meio.

Por isso algumas práticas são necessárias para você fazer um networking profissional correto e a seguir cito alguma dessas práticas:


  • Sempre ajude as pessoas

  • Não faça networking esperando algo em troca

  • Mantenha um relacionamento constante

  • Não faça contato somente para pedir algo favor

  • Sempre pergunte se a pessoa está precisando de algum favor

  • Pegue contatos que realmente somem ao seu crescimento

  • Evite pegar contato com muitas pessoas



Essas são algumas práticas que são fundamentais para você fazer um networking verdadeiro e duradouro. Sempre lembre de oferecer mais ajuda do que pedir favores, faça contato com poucas pessoas para que o seu relacionamento seja sincero e que consiga conversas com todas elas da melhor forma possível.

Essas foram as 5 dicas nas quais você deve se atentar para ser um excelente Engenheiro de Produção ou até em qualquer outra área que deseja atuar.

Com certeza seguindo a risca cada uma dessas dicas você não passará apuros na hora de conquistar sua vaga de emprego e até mesmo de começar o seu negócio.


Veja também pelo vídeo: